Inovação

Entenda o que é data storytelling e onde é aplicado

Especialista explica como funciona técnica de mostrar dados de uma maneira mais atraente e convincente

Não é exagero dizer que aquela apresentação de dados em formato de pizza ou de colunas em 3D é coisa do passado. Depois de ter sido desafiada pelo visual mais atraente e didático dos infográficos, a exibição de informações vem sendo substituída pelo data storytelling, que é a fusão dos dados com a técnica de contar uma história. “Antes havia uma preocupação de colocar os dados em um infográfico e de uns 3 ou 4 anos para cá surgiu a preocupação de como apresentá-los para direcionar o olhar ao que é importante”, diz Eliana Loureiro, professora de cursos de extensão de Data Storytelling na ESPM em São Paulo. 

Essa técnica se baseia em uma tríade que norteia a criação e leva quem vê um gráfico a pensar, a sentir e a fazer. Eliana usa como exemplo a divulgação de informações sobre o contágio, internações e óbitos decorrentes do coronavírus. Segundo ela, quando as pessoas viram materiais que não mostravam apenas números, passaram a pensar sobre a doença, a sentir sua extensão e a refletirem sobre o que poderiam fazer para não adoecer.

Um bom exemplo é um gráfico publicado na capa da edição de 21 de fevereiro de 2021 do jornal norte-americano The New York Times (confira abaixo), que mostrava o aumento de mortes por Covid-19 usando uma linha do tempo com pontos pretos que representavam a quantidade de pessoas que faleceram a partir do primeiro caso confirmado. O resultado é uma imagem impactante que diz mais do que muitas palavras.  

Upgrade na apresentação

“Nesse caso, o data storytelling criou uma condição visual que sensibilizou as pessoas para entenderem os dados e se darem conta de que precisavam tomar mais cuidado porque tinha muita gente morrendo”, explica. No Brasil, em maio de 2021 o canal do Estadão no Youtube se valeu do recurso para mostrar a evolução dos casos de coronavírus no mundo:

A questão gráfica e como ela impacta as pessoas tem peso importante na apresentação de dados, não apenas porque busca a atenção das pessoas, mas principalmente porque defende um ponto de vista. De maneira geral os infográficos jogavam todos os dados em uma imagem e as pessoas não sabiam bem como interpretá-los e o Data Storytelling é como um upgrade no sistema, pois faz um recorte do que quer ser destacado baseado nas perguntas: que história seus dados contam? E o que você quer defender para sua audiência?  

Onde houver dados há espaço para o data storytelling

O site Stories Behind a Line conta a história de refugiados que pediram asilo na Itália mostrando o percurso que cada um fez desde a sua cidade natal até a sua chegada no país europeu. Essa iniciativa partiu de designers gráficos italianos que se valeram de informações que poderiam ser escritas em uma reportagem, mas que ganharam mais força na apresentação visual.

Eliana explica que o data storytelling tem espaço em qualquer ambiente que trabalhe com dados. Pode ser desde veículos de comunicação, setores como o de Recursos Humanos – para mostrar para a empresa, por exemplo, que ela poderia contratar mais colaboradores LGBTQIA+ – a relatórios sobre o comportamento de consumidores elaborados por agências de publicidade, entre outros. 

World Afro Day, plataforma sobre a identidade dos cabelos afro, divulgou de uma maneira supercriativa os dados de uma pesquisa sobre os cortes preferidos dos afrodescendentes. Usou fotos dos cortes de cabelo apontados como os melhores pelos entrevistados como recurso para traduzir os números da pesquisa. 

Aprenda Data Storytelling

Para se chegar a gráficos surpreendentes existem técnicas que ensinam a pensar em como a história vai ser contada, o que vai ser construído para chamar a atenção das pessoas e o ponto de vista a ser defendidoIsso pode ser feito com um data visualization, um dashboard ou diversos gráficos, que juntos constroem a narrativa, garantindo o engajamento da audiência.  

Quer se aprofundar no tema?

Eliana Loureiro vai ministrar em junho na ESPM o curso Data Story Telling Com o Uso do Tableau 

Roberta De Lucca

Jornalista colaboradora do Trendings.

Recent Posts

Tudo o que você precisa saber sobre inteligência artificial

O que é? Quando surgiu? Como funciona? Onde já é aplicada? Entenda essa tecnologia e…

10 horas ago

Vale a pena fazer uma pós logo depois da graduação?

Especialista em carreiras aponta os prós e contras e sugere o que é mais vantajoso…

1 dia ago

Quiz: você conhece as funções originais desses produtos?

Muitas coisas que usamos hoje em dia tinham, na origem, utilidades diferentes. Vamos testar seus…

6 dias ago

Educação continuada: entenda o que é e qual a sua importância para os profissionais da atualidade

Segundo especialista, o estudo constante é um caminho sem volta para a boa formação profissional

1 semana ago

3 dicas para se manter atualizado para o mercado de trabalho

Especialista em carreiras lista o que é fundamental para não se tornar um profissional “obsoleto"

1 semana ago

Com o metaverso, retomamos o contato de corredor, diz CEO da weme

Carolina Kia Takada falou sobre a experiência de implementar um universo virtual para uma equipe…

2 semanas ago

This website uses cookies.